Destaque Mulherzinha Séries

Séries com Mulheres Poderosas

Esses dias me deparei com a notícia que uma das minhas personagens favoritas  havia saído da série (já há algum tempo) que estou maratonando e fiquei bem arrasada porque ela era poderosa, dona da po**a toda e a chefe no pedaço, mesmo que os dois personagens principais da série fossem homens, ela tinha seu espaço. Estou falando da Jessica Pearson, antiga proprietária do escritório que atualmente pertence a Harvey em Suits. E se te dei spoiler, relaxa, isso aconteceu tem um tempinho e agora a personagem terá a sua própria série, Spin-off da original. E nesse vibe de séries com mulheres poderosas, separei algumas que gosto muito para indicar.

Girls –  “Ambientada em Nova York, Girls lança um olhar cômico sobre as humilhações e raros triunfos de um grupo de garotas com 20 e poucos anos.A série é centrada em Hannah, uma jovem escritora que trabalha em uma editora no SoHo, e suas amigas Jessa, uma professora e aspirante a artista, e Marnie, uma assistente de relações públicas que quer trabalhar com questões ambientais”.

Eu não gostava de Girls antes de assistir, por implicância com a Lena Dunham porque discordei da sua postura em pregar o feminismo e igualdade entre os gêneros e depois participar do Squad de uma cantora que promoveu uma briga de mulher para mulher – squad esse que só tinha a panelinha perfeita do “mundo pop”. Feriu o conceito que tinha dela, mas, consegui separar e finalmente me rendi, amando a série, as confusões e a problemática principal que é a vida da mulher moderna numa sociedade cheia de duelos e falta de equidade.

 The Good Wife  – 

“The Good Wife é uma série dramática que tem como protagonista  Alicia Florrick, uma esposa e mãe que assume responsabilidade total sobre sua família e volta ao mercado do trabalho depois do escândalo de sexo e corrupção em que seu marido se envolveu e o levou para a cadeia. Deixando de lado a traição e a humilhação pública causada por seu marido, Peter, Alicia recomeça sua vida e volta a trabalhar como advogada. Ganhando confiança dia após dia, Alicia se transforma de uma envergonhada esposa de político em uma poderosa mulher de carreira, principalmente pelo bem de seus filhos Zach e Grace. Pela primeira vez em anos, Alicia rejeita sua identidade de “boa esposa” e toma conta de seu destino”.

Nunca dei muita confiança para série enquanto ela passava na tv e eu tinha tempo de acompanhar os episódios semanalmente, mas, depois de vê-la completa no Netflix, decidi assisti um episódio e depois disso, não parei mais. Me apaixonei pela força da Alicia em vencer a vergonha e mostrar para mundo quem realmente é a sua capacidade como mulher, acima do seu marido, deixando de estar do lado, para simplesmente ser aquela que comanda. E apesar de ter gostado do final, mas, esperando um pouco mais de emoção para o último episódio, posso dizer que Alicia Florick saiu de um simples mulher para dona da po**a toda!

Scandal –  “Olivia Pope, a ex-consultora de comunicações da presidência, dedica sua vida a proteger a imagem pública da elite da nação e garantir que seus segredos nunca venham à tona. Após deixar a Casa Branca, ela abre sua própria empresa na esperança de iniciar um novo capítulo em sua vida, tanto profissional quanto pessoal. Entretanto, ela parece não conseguir cortar completamente os laços com seu passado”.

Olivia é a pedra do meu sapato que eu amo mesmo assim, mas, que faz jus a faixa de miss poderosa que enfrenta todos os dias. Além da sua inteligencia e profissionalismo, ela é mestre em lidar com suas emoções de forma totalmente secundária – o que me irrita -, mas admiro a sua força em impedir que o amor tome a frente do certo e errado, mesmo que no final das contas, suas ações sejam bem egoístas.

Tenho outras séries com protagonistas poderosas e vou deixar para uma segunda parte. Alguma indicação?

You Might Also Like