Destaque Empreendedorismo

Os dias difíceis no processo criativo

Achei que um dia, nunca fosse dizer “muita gente me pergunta”, mas a verdade que nos últimos dias tenho recebido muitas mensagens das minhas leitoras no instagram como também no whatsapp, então, me sinto realmente feliz que esteja sendo porto de confiança quando se trata de falar sobre os assuntos que abordo aqui no blog. E desde que postei sobre o empreendedor criativo, descobri muitas e muitas meninas que ficaram tão aliviadas quanto um dia fiquei ao saber que existia outros companheiros remando contra a mesma maré. O que não abordei naquele dia, foi que além da dificuldade ao nosso redor sobre trabalhar com a criatividade, também precisamos lidar com os nossos problemas “internos”, como a ansiedade e também com a fase branca, onde ser criativo parece ser uma utopia.

Sou uma pessoa extremamente ansiosa e gosto de perfeição no que faço. Tento lidar com as minhas próprias cobranças de forma que consigo equilibrar com as cobranças externas. “Trabalho” em casa e às vezes, é difícil lidar com as exigências de quem vive comigo, com as ideias fervilhando na minha cabeça e o compromisso de executar tais funções determinadas para aquele dia. E muitas vezes, se não escrever na hora que a ideia veio a minha cabeça, não consigo mais desenvolvê-la. E sei que é muito difícil deixar passar aquele momento, mas, com o passar do tempo percebi que é importante respeitar quem não entende o que fazemos, por mais irritante que seja e mais ainda, nos respeitar quando as ideias parecem desaparecer da nossa cabeça. Haverá dias que seu humor estará ruim, que suas expectativas não serão correspondidas e seus projetos parecerão impossíveis de ser realizados.

Aprendi depois de muitas tentativas frustradas, que é importante tirar um tempo para ter calma. Calma? Parece ridículo quando o cliente tá cobrando o prazo, quando se tem mil fotos para editar, quando há cem e-mails esperando uma resposta, quando as contas estão acumulando na mesa e o dinheiro parece não entrar, não é mesmo? É difícil ter calma quando a torcida contra é maior que a favor e você vê a necessidade de provar que é bom o tempo todo e quando fala sobre seu trabalho, recebe aqueles sorrisos amarelos como se você fosse idiota e insistente no erro. Mas, eu sei que posso estar parecendo bem louca ao falar isso, porém, acredite em mim: TENHA CALMA. Tire um dia para renovar suas energias, se conecte com a sua fé e faça o melhor para manter sua cabeça no lugar, porque ninguém vai poder fazer melhor por si QUE VOCÊ MESMO. Seu trabalho é tão importante quanto qualquer outro e aprenda a lidar com suas oportunidades de ser um empreendedor que trabalha em casa e pode fazer seu horário!

Seu trabalho é como uma folha em branco, sem pautas, sem nenhuma linha. Você pode escrever, pintar, repintar, planejar e executar. Entenda que NADA vai acontecer no tempo que você imagina, pode vir muito antes como uma grande surpresa ou pode demorar, porque nem sempre o mercado vai te corresponder do jeito que pensou – e por isso que estudar as constantes mudanças no seu mercado de ação é importante, mas isso é assunto para outro post. Apenas aceite que está tudo bem quando você não está bem. Seu trabalho não vai ser perfeito a maior parte do tempo, não é fácil se manter equilibrado na corda bamba que é ser um empreendedor de um negócio que envolve criatividade, mas se deixar ceder pela pressão, aí mesmo que seus obstáculos parecerão maior que realmente são e sem calma, uma pausa para respirar fundo, não chegaremos a lugar nenhum. Feche os olhos, tome fôlego, se concentre e avance!

You Might Also Like