Monthly Archives

dezembro 2017

Moda

Durabilidade ou Moda?

Quando compra suas roupas, pensa na durabilidade ou na moda?

Você toma suas decisões através do estilo em alta no momento? Ou compra peças que possam compor seu estilo pessoal ao longo dos anos?

Fim de ano, décimo terceiro, campanhas que provocam a necessidade que “aparentemente” temos para o consumo além do que precisamos. Esses dias parei para pensar em quanto que tinha e a quantidade de “coisas” que precisava. No fim, percebi que não precisava daquilo tudo. Mas fiquei com a reflexão sobre minhas compras: Nem sempre tenho o valor alto o suficiente para investir em marcas caras (durabilidade), que na sua maioria, as coleções são voltadas para a tendência do momento (moda) e não necessariamente para meu estilo.

Então, me perguntei: estou comprando por que está na moda ou por que estou precisando daquela peça para compor um armário mais prático e sustentável?

Continue Reading

Editora Sextante Livros

Fazendo As Pazes Com o Corpo, Daiana Garbin

Qual é a sua relação com seu corpo?

Uma resenha e uma carta bem franca.

Daiana Garbin é jornalista, mas agora dedica seu tempo ao seu canal do YouTube Eu Vejo. Ontem indiquei o Instagram da Daiana pelo que acompanhei do seu trabalho no YouTube, mas só conheci através da leitura do livro. Minha vida mudou. A maneira como enxergo meu corpo também. E desejo que todas vocês ao lerem essa resenha possam ter acesso a essa leitura. Recentemente venho falado sobre livros que nos trazem mais que um estilo de vida inalcançável. E estou feliz que a Daiana tenha a coragem, o espaço e a força necessária de abrir os olhos das mulheres para realidade da aceitação e autoestima.

Continue Reading

Fotografia

Mulheres Inspiradoras para Seguir no Instagram

Instagram… Amar ou não amar?

Já leu o texto “Como o Instagram Subjugou Minha Fotografia?”

Algumas semanas atrás falamos sobre como o Instagram tem subjugado a fotografia de muita gente. E como isso influenciou no período que ficamos sem postar, seja pela feita de equipamento ou pela inspiração ter tirado férias. Depois de muito analisar, o Instagram pode ser um bom lugar. Principalmente se procurarmos atentamente podemos encontrar pessoas inspiradoras, que podem nos influenciar para aceitação, quebrar nossos tabus e também nos dar dicas maravilhosas, reais e realmente úteis.

Continue Reading

Literatura

The Wild e a Polêmica do Incesto

The Wild é um exemplo das autoras que romantizam o abuso.

Gostou da leitura? Não será agradável que direi nas linhas abaixo.

Foi o blog Compulsivamente Literária que me alertou sobre a publicação da autora K Webster, com o nome de The Wild. Não sabia o que era até ler e para ser completamente honesta, não sei como cheguei até o fim. Confesso que houve uma parte da minha cabeça que entrou em parafuso por semanas. The Wild foi o livro sobre incesto que causou polêmica. Se pararmos para pesquisar nos grupos que disponibilizam livros traduzidos e não publicados no Brasil, é o que mais encontramos.

Continue Reading

Feminismo

Lugar de Mulher

“Já se perguntou o lugar da Mulher no Mundo?”

Carta da edição

Essa foi a pergunta de uma menina de doze anos que teve sua primeira reação com a famosa frase “não é lugar da mulher”. Alguns dias depois tive um debate acalorado com meu pai sobre o serviço obrigatório militar e o feminismo. Segundo ele, não queremos lutar por coisas que não nos são cômodas. Nós discutimos por horas sobre a visão que a maior parte das pessoas tem sobre a luta diária pelo direito da mulher. E onde o feminismo se encaixa nessa questão.

Continue Reading

Editora Arqueiro Resenha

A Casa do Lago, Kate Morton

A casa do lago e duas mulheres, duas épocas diferentes e a mesma história.

Kate Morton conta a história da família Edevane, que vivem em uma grande e linda casa, próxima a um lado no pequeno vilarejo no interior da Inglaterra. Eles se preparam para uma grande festa, que atrai vizinhos, fogos de artifícios e entre outras atrações. Alice, uma das filhas do casal, talentosa por si só, está especificamente feliz naquele ano. Ela está apaixonada e escreveu o final do seu livro.

Tudo ao seu redor é belo, brilhante e apaixonante. Descreve sua casa como um dos lugares mais belos do mundo. Infelizmente toda felicidade da família aquele se esvai com uma grande tragédia. E com isso, os Edevane abandonam a casa, deixando as ervas daninhas e os pássaros conviverem com o mistério que os assombram. Alice não é a personagem mais fácil de acompanhar, desvendar. Não só porque seus mistérios são naturalmente dolorosos, mas porque a mulher é tão fácil quanto extrair um dente.

Continue Reading